23/02/2018 • 09:29

Polícia Ambiental apreende mais de 300 kg de carne sem nota fiscal durante operação

Proprietário do mercado de Jacuba, distrito de Arealva, não soube informar a procedência das carnes e, de acordo com a polícia, as condições de armazenamento eram inadequadas

Mais de 300 quilos de carne foram apreendidos em um mercado pela Polícia Ambiental e pela Vigilância Sanitária durante uma operação de combate ao furto de animais de corte em Jacuba, distrito de Arealva (SP). 

Segundo a polícia, vários estabelecimentos da região foram visitados na tarde de quarta-feira (21). Neste mercado, o proprietário não soube informar a procedência das carnes e, de acordo com a polícia, as condições de armazenamento eram inadequadas. 

O estabelecimento foi autuado e fechado. Os 300 quilos de carne foram descartados pela polícia. 

Carne foi descartada e estabelecimento foi autuado (Foto: Polícia Ambiental)

 Carne foi descartada e estabelecimento foi autuado (Foto: Polícia Ambiental) 

 

Outro caso

 

E teve apreensão de alimentos também em Tupã. Cerca de 130kg de peixes sem comprovação de origem e sem notas fiscais foram apreendidos pela Polícia Ambiental no último sábado (17). 

Segundo os policiais, os peixes estavam todos limpos, ensacados e congelados e, segundo o motorista do veículo que fazia o transporte, eles haviam sido comprados no Mato Grosso do Sul e seriam levados até Louvreira (SP). 

O motorista foi multado em R$ 3,3 mil e, segundo a polícia, foi determinada infração ambiental por transporte de espécies provenientes de pesca ilegal. O homem também responderá por crime ambiental. 

A carga foi apreendida pela Polícia Ambiental e será avaliada por uma nutricionista para determinar se está apta para consumo. Em seguida, será doada para a entidade assistencial do município "Casa da Criança".

 

G1 / TV TEM

Aproveite e cadastre-se em nosso site caso ainda não tenha seu login e senha

Primeiro acesso? Cadastre-se aqui.

Login

nome
e-mail válido
senha
confirmar senha
e-mail
senha
Esqueceu a senha?
Para lembrar, digite seu e-mail no campo acima e clique aqui.
23/02/2018 • 09:29

Polícia Ambiental apreende mais de 300 kg de carne sem nota fiscal durante operação

Proprietário do mercado de Jacuba, distrito de Arealva, não soube informar a procedência das carnes e, de acordo com a polícia, as condições de armazenamento eram inadequadas

Mais de 300 quilos de carne foram apreendidos em um mercado pela Polícia Ambiental e pela Vigilância Sanitária durante uma operação de combate ao furto de animais de corte em Jacuba, distrito de Arealva (SP). 

Segundo a polícia, vários estabelecimentos da região foram visitados na tarde de quarta-feira (21). Neste mercado, o proprietário não soube informar a procedência das carnes e, de acordo com a polícia, as condições de armazenamento eram inadequadas. 

O estabelecimento foi autuado e fechado. Os 300 quilos de carne foram descartados pela polícia. 

Carne foi descartada e estabelecimento foi autuado (Foto: Polícia Ambiental)

 Carne foi descartada e estabelecimento foi autuado (Foto: Polícia Ambiental) 

 

Outro caso

 

E teve apreensão de alimentos também em Tupã. Cerca de 130kg de peixes sem comprovação de origem e sem notas fiscais foram apreendidos pela Polícia Ambiental no último sábado (17). 

Segundo os policiais, os peixes estavam todos limpos, ensacados e congelados e, segundo o motorista do veículo que fazia o transporte, eles haviam sido comprados no Mato Grosso do Sul e seriam levados até Louvreira (SP). 

O motorista foi multado em R$ 3,3 mil e, segundo a polícia, foi determinada infração ambiental por transporte de espécies provenientes de pesca ilegal. O homem também responderá por crime ambiental. 

A carga foi apreendida pela Polícia Ambiental e será avaliada por uma nutricionista para determinar se está apta para consumo. Em seguida, será doada para a entidade assistencial do município "Casa da Criança".

 

G1 / TV TEM

Link
seu nome
seu e-mail
e-mail destinatário
mensagem
0 comentários

360 caracteres restantes